O futebol dinâmico e ainda desconhecido do Showbol

Foto: Site Showbol

O showbol é um esporte ainda pouco conhecido pelos brasileiros. Mas afinal, do que se trata essa prática?

O esporte foi criado em 1969 pelo húngaro Joe Martin, ex-jogador do Ferencvaros e da seleção da Hungria. Durante uma viagem ao Canadá, o húngaro adaptou seu amor e vontade de jogar futebol ao frio do lugar e criou um esporte com as regras do futebol, mas jogado em quadra de futebol de salão.

Pensando na agilidade e rapidez do esporte que geralmente era jogado em campo aberto, Joe acrescentou um detalhe que diferencia esse esporte dos outros de sua categoria: uma tabela que cerca a quadra. Isso faz com que a bola não saia e o jogo não seja interrompido.

O jogo acontece em uma quadra de, aproximadamente, 42 x 22 metros com gramado sintético. As partidas são disputadas em duas etapas de 25 minutos com intervalo de 10 minutos. As equipes são formadas por cinco jogadores na linha e um goleiro e têm substituições ilimitadas.

No Brasil, o esporte chegou em 1972 através do ex meia-esquerda, Francisco Monteiro, conhecido como Todé. Após encerrar sua carreira, o jogador foi passar uma temporada no Canadá e conheceu Joe Martin, que apresentou a ele o Showbol.

O primeiro jogo em solo brasileiro aconteceu no Maracanãzinho e foi um amistoso entre a Seleção Brasileira e a Seleção do restante do mundo. Devido ao pouco investimento no esporte, o primeiro Campeonato Brasileiro de Showbol aconteceu somente em 2008 e contou com 12 equipes.

 

Curiosidade RA:

  • O maior campeão nacional de Showbol é o Flamengo, hoje com 4 títulos
  • O jogador Cadu, do Fluminense, marcou o gol mais rápido dos Campeonatos Brasileiros de Showbol. Na partida contra o Vasco, em 2012, ele abriu o marcador com 12 segundos de jogo

Chiara Ribeiro

É estudante de Jornalismo. Atua no Roteiro Alternativo como cooperado de mídias sociais e repórter.