Emily Lima é a primeira mulher no comando da seleção feminina e já traz resultados

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Emily Lima é a primeira mulher a assumir o comanda de Seleção Feminina de futebol.  A paulista começou sua carreira no futebol como jogadora e a encerrou após uma lesão, em 2009, quando jogava pelo Napoli, da Itália.

Emily iniciou como treinadora na Portuguesa, como auxiliar técnica em 2009 e somente em 2011 ela assumiu um time como técnica, sendo este, o Juventus.  No ano seguinte, se tornou treinadora do time feminino do São José. À frente da equipe paulista, conquistou o Campeonato Paulista de 2015, os Jogos Abertos e os Regionais de São Paulo de 2015 e 2016 e foi vice-campeã da Copa do Brasil 2016.

No início de 2013, Emily foi anunciada como a primeira treinadora de uma equipe nacional, na ocasião comandou a Sub-17 da seleção, que se preparava para disputar o Sul-Americano da categoria e assumiu a categoria principal no final de 2016.

Emily vem mostrando muito resultado à frente da canarinho. A seleção já disputou seis jogos com a paulista no comando e obteve vitória em todos eles. Já foram marcados 26 gols, tendo uma média de 4,3 gols por jogo.

Todas as vitórias foram  sólidas e a conquista do sétimo título do Torneio Internacional de Futebol Feminino, em Manaus, no final do ano passado aumentou ainda mais a credibilidade da paulista frente à torcida.

Chiara Ribeiro

É estudante de Jornalismo. Atua no Roteiro Alternativo como cooperado de mídias sociais e repórter.