Consumo excessivo de plástico ameaça o meio ambiente e ecossistema oceânico

Escultura de dinossauro de lixo alerta sobre danos do plástico ao planeta no espelho d’água do Museu Nacional em Brasília
Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil

O Programa das Nações Unidas pelo Meio Ambiente lançou uma pesquisa no dia mundial do meio ambiente, 5 de junho, sobre a poluição excessiva de plásticos no últimos 10 anos. De acordo com a pesquisa, mais de um milhão de garrafas plásticas são compradas a cada minuto em todo o mundo. Além disso, são consumidos no mundo cerca de um trilhão de sacolas plásticas todos os anos. Segundo o Ministério do Meio Ambiente, no Brasil, por volta de 1,5 milhões de sacolas de plástico são distribuídas por hora.

Dentre os ecossistemas do planeta, o oceânico é um dos que mais sofrem com a poluição plástica. Uma pesquisa do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo junto com o Instituto Socioambiental dos Plásticos mostrou que 95% do lixo encontrado nas praias do Brasil são compostos de plástico.

O que mais afeta os oceanos são os microplásticos, que estão presentes em produtos usados diariamente, como embalagens, cosméticos e xampus, pasta de dente e outros. De acordo com uma pesquisa da National Oceanic and Atmospheric Administration é comum que os pequenos organismos vivos do oceano, como plânctons e crustáceos, se alimentem desse microplástico. Então, seguindo a cadeia alimentar, outros peixes vão se alimentando deles e também se contaminando, até chegar no humano.

Uma matéria da BBC Brasil do ano passado mostrou que, se mantida a forma atual de produção e consumo de plástico, até 2050, cerca de 12 bilhões de toneladas de plástico serão acumuladas na superfície terrestre. Ainda de acordo com o jornal, a revista acadêmica Science publicou, em 2015, um ranking de 192 países com território beira-mar que estão contribuindo para a poluição dos oceanos com plástico. O Brasil aparece em 16º lugar, enquanto os Estados Unidos estão em 20º.

Como ser um consumidor consciente

O Roteiro Alternativo pesquisou e separou uma lista com 10 dicas de como você pode ajudar o meio ambiente e se tornar um consumidor consciente. Confira:

  1. Quando for fazer compras, procure usar sacolas reutilizáveis e evite as plásticas.
  2. Caso a única alternativa seja usar a sacola plástica, evite o desperdício. Use o mínimo possível delas enchendo-as bem.
  3. Separe seu lixo doméstico entre recicláveis e não recicláveis. Lembre-se: materiais plásticos podem ser reciclados.
  4. Sempre reutilize as embalagens dos produtos que você comprou.
  5. Não compre outra vez um produto que você tem ou pode consertar.
  6. Não deposite seu lixo em terrenos baldios ou próximo de rios e córregos.
  7. Nunca jogue seu lixo no chão, guarde-o até achar uma lixeira onde pode descartá-lo adequadamente.
  8. Se for a praia, recolha seu lixo.
  9. Evite o uso de canudinhos e copos plásticos.
  10. Procure utilizar sempre embalagens reutilizáveis ao invés de garrafas pets.