Atlético diminui vantagem do rival e Larghi ganha seu primeiro clássico em final de Mineiro

A torcida alvinegra  está radiante por ter vencido o primeiro clássico referente á final do Campeonato Mineiro 2018, ainda mais por ter sido sobre  o seu maior rival, o Cruzeiro Esporte Clube por 3 a 1. Mas, quem deve estar mais feliz ainda é o técnico do Atlético, Thiago Larghi. Ainda como técnico interino, Larghi assumiu o comando do time alvinegro após a saída do técnico Oswaldo de Oliveira. Em seu primeiro jogo comandando a equipe no dia 10 de fevereiro, sábado de Carnaval,  não foi um dia tão festivo como deveria ser para o Atlético, que  perdeu de virada para a Caldense, totalizando um placar de 2 a 1.

(Foto: Instagram- Bruno Cantini)

Agora, o técnico atleticano já pode comemorar sua primeira vitória em um clássico em uma final do campeonato estadual. Isso se concretizou no dia 1de abril, parece mentira mas a vitória em cima do Cruzeiro animou o comandante da equipe alvinegra, que entrou em campo com um elenco organizado e com bom domínio das jogadas.

Entretanto, no jogo de volta, que aconteceu no dia 8 de abril, o Cruzeiro venceu o Atlético Mineiro por 2 x 0, levando, então, o título do Campeonato Mineiro.

 

Curiosidades RA:

  • Em 21 finais entre Atlético e Cruzeiro, nenhum dos times conseguiu reverter 2 gols de diferença no jogo de volta.
  • O Atlético-MG é o único time hexacampeão mineiro, tendo conquistado os títulos de 1978 à 1983 e o Cruzeiro foi penta, ganhando de 1965 à 1969.
  • Em 1929 e 1930, o Palestra Itália (Cruzeiro) conseguiu um feito impressionante. A equipe foi bicampeã mineira com 100% de aproveitamento.
  • Entre 1965 e 1992, somente Atlético-MG e Cruzeiro levantaram a taça.
  • O Atlético é o maior campeão estadual da região sudeste do país.
(Foto: Instagram- Pedro Vale Foto)