A história e raridade do Gol Olímpico

Gol olímpico se trata de um gol marcado diretamente da linha de escanteio. Este nome surgiu em um jogo amistoso entre as seleções da Argentina e Uruguai, em 2 de outubro de 1924. O autor do gol foi o atacante argentino Cesáreo Onzari e o nome foi dado pelos argentinos para ironizar  a seleção uruguaia, que havia ganho o torneio da Olimpíada de Paris.


Curiosidade RA:

  • O primeiro gol olímpico que se tem notícia em território nacional foi marcado por Santana, que jogava no Vasco, em 1928, na partida contra o Montevideo Wanderers (URU).
  • Petkovit, atual treinador do Vitória, é considerado o jogador brasileiro que mais marcou gols olímpicos, tendo registrado 9 em sua carreira.
  • De acordo com o site da Fifa, o primeiro gol olímpico do mundo foi marcado em 1924, por Billy Alston , em um jogo da 2ª divisão escocesa.
  • O único gol olímpico registrado em Copas do Mundo foi marcado pela seleção da Colômbia em 1962

São poucos os registros de gols olímpicos marcados em partidas oficial. Na partida do Atlético contra o Paraná Clube, o venezuelano Otero marcou um gol olímpico, sendo o primeiro na carreira do jogador, primeiro gol olímpico dessa edição da Copa do Brasil e o primeiro desde a inauguração do novo Independência. Assista:

Chiara Ribeiro

É estudante de Jornalismo. Atua no Roteiro Alternativo como cooperado de mídias sociais e repórter.